Lona Cultural caminha e está mais próxima de Cacoal

 

O Projeto Lona Cultural, que já tem recursos garantidos em Cacoal, teve mais um etapa vencida para sua implantação depois de audiência do presidente da Fundação Cultural (Funcal), Emanuel Alves, com a secretária de Cultura da cidade do Rio, Nilcemar Nogueira, neta do sambista símbolo do Rio, Cartola. A viagem ao Rio serve para que os modelos que estão dando certo sejam conhecidos de perto e também para que entraves burocráticos sejam antecipados, garantindo melhor atendimento à comunidade.

Os recursos para que o projeto seja implantado em Cacoal foram garantidos pela deputada federal Marinha Raupp (PMDB-RO), que tem beneficiado a cidade com emendas federais. O objetivo do projeto é formar artistas por meio de oficinas de circo, teatro, artesanato e outros, passando por todos os bairros de Cacoal, indistintamente. Além das oficinas, serão realizados espetáculos nos bairros criando, além da opção de formação, também  de entretenimento à comunidade.

Diferente da cidade do Rio, onde a Lona Cultural é fixa nos bairros, em Cacoal o presidente Emanuel Alves pretende adaptar para que seja itinerante, atendendo o maior número de pessoas possível. Nilcemar Nogueira se prontificou em ajudar na implantação do projeto em Cacoal, o que poderá contribuir com o sucesso da Lona Cultural, como informou  Emanuel, reforçando ainda o apoio recebido da prefeita Glaucione Rodrigues desde que o projeto foi apresentado, no início da administração municipal. “A Prefeita Glaucione tem buscado constantemente recursos para serem investidos na cultura, pois entende que pode trazer mudanças importantes para a comunidade. Conseguimos ampliar o conhecimento, buscamos parcerias e conhecemos projetos culturais que podem ser implantados em Cacoal”, finalizou o presidente da Funcal.

Semplan fornece projeto para galpões das linhas 03 e 10

A Prefeitura de Cacoal através da Secretaria de Planejamento (Semplan) fechou uma parceria com a Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), para oferecer o projeto de construção de galpões nas Linhas 03 e 10, que receberão equipamentos do Estado.

O assunto foi tratado durante a reunião nesta segunda-feira com a prefeita Glaucione Rodrigues, o secretário de Planejamento, Ricardo de Sá, o representante regional da Sepog Charles Pereira e Natan Oliveira da Sepog (Porto Velho), o procurador do município Silvério Oliveira e engenheiros da Prefeitura.

O município de Cacoal recebeu do Governo do Estado por meio do Conder (Conselho de Desenvolvimento do Estado de Rondônia), 606 mil reais destinados a compra de equipamentos e maquinários para os produtores granjeiros da Linha 03 e da Linha 10.

Para isso, as associações precisarão de galpões como explica a prefeita Glaucione, “Nós tivemos a grata satisfação de serem liberados pelo Conder 606 mil reais, que serão divididos igualmente entre as associações granjeiras da Linha 03 e Linha 10 para comprar equipamentos, só que eles precisam ter uma infraestrutura para receber esses equipamentos. Ai entra a Prefeitura, nossa parceira com o Estado e fortalecimento da economia local, do setor produtivo, em fornecer todo o projeto dentro da padronização exigida pelo Idaron, para que eles possam construir”, explica.

A equipe de engenheiros da Prefeitura de Cacoal, em conjunto com um engenheiro e um arquiteto do Estado trabalharão no projeto dos galpões, que serão construídos com recurso dos próprios produtores, fortalecendo e incentivando o setor no município.