Ciclismo pelos Jogos Abertos acontece neste domingo em Cacoal

As competições dos Jogos Abertos de Cacoal edição de 2017 seguem acontecendo nos fins de semana. O evento realizado pela Prefeitura de Cacoal, através da Autarquia Municipal de Esportes de Cacoal (AMEC), esta próxima a sua metade e neste domingo (29) mais uma modalidade será disputada, o ciclismo.

A modalidade esta programada pra acontecer a partir das 8 horas no bairro Green Ville, nas categorias Speed (masculino) e Mountain Bike (masculino e feminino). Segundo os organizadores, a expectativa é de contar com a presença de 50 a 70 atletas no geral, competindo pelas equipes que disputam os Jogos Abertos em um circuito planejado dentro do bairro. Os organizadores também aproveitam para convidar a população de Cacoal para  prestigiar o evento no município.

NOTA DE AGRADECIMENTO

A Prefeitura de Cacoal, por meio da Autarquia de Esportes, a AMEC, vem a público agradecer pelo apoio do Governo do Estado para a viagem dos atletas do município às competições da Liga Nacional de Handebol- Conferência Norte, em Manaus, no Amazonas. O esporte tem reflexos além das áreas de competição, impactando em muitos outros setores, como Saúde, Social, Segurança Pública e Educação, razões que fazem do desporto peça fundamental à sociedade e isso tem o reconhecimento do Executivo Estadual; o apoio à viagem dos atletas de Cacoal comprova isso. Dessa forma, a Prefeitura de Cacoal reitera os agradecimentos ao Governo do Estado, do qual tem atenção constante às demandas que leva ao conhecimento de seus representantes.

 

PREFEITURA DE CACOAL/ AMEC

Cacoal terá representantes na fase nacional da Mostra Brasileira de Foguetes

 

Cacoal terá representantes na Olimpíada de Astronomia e Astronáutica (OBA) e Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG), programada para acontecer da próxima terça-feira (31) até sexta (3) em Barra do Piraí, no Estado do Rio de Janeiro. Os alunos Sesi/Senai de Cacoal, Bernardo Roa da Silva, Higor Felipe Neumann Coelho e Yuri Gerhardt Suematsu tiveram projeto selecionado em etapa regional da OBA/MOBFOG. Acompanhados da gerente da unidade do Sesi/Senai de Cacoal, Jocilene Ribeiro; da coordenadora de Educação, Rosiani Módolo, e da professora de física e ciências aplicadas, Inayara Bortoleto, os alunos apresentaram o projeto à prefeita Glaucione Rodrigues, que os recebeu em seu gabinete. Trata-se de um foguete de garrafas PET, que é lançado a mais de 100 metros, com propulsão de reação química.

De acordo com os representantes do Sesi/Senai, que acompanharão os alunos em Barra do Piraí, a instituição de ensino  incentiva e apoia o projeto, pois são ações que fortalecem o aprendizado e fomenta o interesse dos jovens pela astronomia, aeronáutica, ciências afins e promove a difusão dos conhecimentos básicos de forma lúdica e cooperativa, levando o aluno da teoria à prática.

PROFESSOR DESTAQUE

Ainda durante a visita do projeto à prefeita Glaucione, foi  apresentado o professor Jonis Correa (ciências e biologia),  que participou da seleção interna “professor destaque do Sistema Estruturado de Ensino (SOMOS)”, que foi selecionado com o projeto Ecologia na Prática com ênfase no Bioma Regional. Jonis Correa representará o Departamento Regional de Rondônia Sesi/Senai juntamente com a coordenadora de educação Rosiani Módolo no encontro Nacional que acontecerá também na terça (31) em São Paulo.

Procon de Cacoal aciona Ministério Público sobre preço do gás

Tendo em vista os aumentos recentes e as notícias, reclamações e denúncias nas redes sociais de que o preço do botijão de gás praticado em Cacoal estaria bem acima do ofertado em outras cidades de Rondônia, o fiscais do Programa de proteção e Defesa do Consumidor (Procon) Cacoal realizou pesquisa de preço nas principais distribuidoras do produto na cidade.

Houve surpresa no resultado, uma vez que o preço indicado é exatamente igual em todas as lojas, tanto para entrega em domicílio quanto para retirada nos locais, o que pode configurar a prática de cartel, uma vez que não há tabelamento no preço do produto pela Agência Nacional do Petróleo, responsável pelo setor.

O coordenador do Procon de Cacoal, Bernardo Schimidt Penna, os revendedores de gás não souberam indicar os motivos da prática de preços tão elevados, maiores que os de outros municípios próximos, afirmando que o preço é estabelecido a partir daquele cobrado pelas distribuidoras maiores, que fazem o repasse do produto e também por algumas exigências legais da cidade. “Eles afirmam desconhecerem também a razão da enorme coincidência nos valores, cobrados de forma idêntica por todas as revendedoras do município”, informou Penna.

A pesquisa foi enviada ao Ministério Público para avaliação da conduta das distribuidoras.