O Hospital Municipal Materno-infantil (HMMI) de Cacoal, conhecido também como Sesp, abriu as portas de seu almoxarifado para a reportagem na manhã segunda-feira (30), como forma de levar ao conhecimento de toda população de Cacoal de que há materiais pensos (destinados a cirurgias) em quantidade suficiente para atender à comunidade. O diretor administrativo, Robson Luiz Luciano Rosa, acompanhado da farmacêutica, Gisele Bortolossi, relatou que o estoque de materiais do HMMI tem acompanhamento por sistema computadorizado e específico ao seu controle, além da atenção de toda equipe de farmacêuticos, o que garante que as compras sejam feitas em tempo hábil.

Gisele Bortolossi mostrou ainda que todos os materiais necessários às cirurgias obstétricas são agrupados em kits e entregues às equipes médicas, quando da necessidade das cirurgias. Trabalhando há mais de 25 anos como farmacêutica na Saúde de Cacoal, ela diz ainda que há por parte da atual administração muita preocupação com o estoque de materiais e medicamentos, de forma que não faltem nos estoques, da mesma forma que com as equipes de atendimento.

Sobre o atendimento à população, Robson Luiz diz que a humanização e atenção às pessoas é condição jamais deixada de lado e que todos os profissionais são orientados a dar o melhor atendimento possível. Os procedimentos são acompanhados pela equipe administrativa, que analisa caso a caso, tudo com o objetivo de que a população tenha um atendimento de qualidade.