A prefeitura de Cacoal, na pessoa da Prefeita Glaucione Rodrigues, vem a público refutar as suposições feitas em vídeo divulgado nas redes sociais pelo vereador Nilton Cesar da Mata, de que a administração municipal se tornou da “prefeitura da família”, em razão das pessoas que o vereador diz serem parentes.

Inaceitável ainda que o vereador use a retórica de suposições fantasiosas para diminuir a capacidade da prefeita em administrar o município, o que é desmentido pela história política de Glaucione Rodrigues, uma líder nata, secretária de Saúde do município aos 24 anos, e que comanda a Prefeitura de Cacoal com pulso firme, assumindo a postura de quem verdadeiramente foi eleita pela sociedade cacoalense.

A eleição para a mesa diretora da Câmara de Vereadores de Cacoal, realizada na última segunda-feira (4), e que definiu o vereador Valdomiro Corá para presidir a Casa de Leis no biênio 2019/2020, também citada por Nilton Cesar da Mata, reflete a decisão da instituição da qual faz parte o próprio Nilton Cesar da Mata e na qual não há interferência da prefeita Glaucione Rodrigues, que sempre demonstrou respeito pela independência dos poderes, respeito não demonstrado pelo vereador quando ataca a família da prefeita.

Ao fazer suposições de que a secretária municipal de Administração é parente da prefeita, o vereador falta com a verdade, e tenta prever o futuro quando cita uma pessoa da CPL como futuro genro do marido de Glaucione Rodrigues. Todas as nomeações feitas na Prefeitura de Cacoal são de conhecimento público e, dessa forma, de amplo conhecimento do Ministério Público, Judiciário e Tribunal de Contas, aos quais a administração municipal nutre respeito, que é mútuo, e para os quais é delegado poder de coibir e fiscalizar ações que possam causar danos ao erário público ou ir contra as leis.

O mesmo poder de fiscalizar tem o vereador Nilton Cesar da Mata e isso é respeitado de maneira indelével pela Prefeitura de Cacoal. Contudo, é de se estranhar que a seriedade do assunto seja pauta de suposições em vídeo nas redes sociais. Como fiscalizador, o vereador tem a obrigação de denunciar falhas que encontre na administração municipal, mas é preciso, além de seriedade, seguir o rito legal, ao qual a Prefeitura de Cacoal está diretamente ligada. Suposições fantasiosas jamais serão aceitas como peça de acusação pela Prefeitura de Cacoal, que reforça seu compromisso com a população cacoalense, às leis e a Deus.

A Prefeitura de Cacoal continua de portas abertas a todos os cacoalenses, sem distinção de qualquer forma, e trabalha de maneira séria para que Cacoal continue se desenvolvendo, sabedora de que a cidade já mudou, mas que ainda há muito a fazer. O trabalho continua de maneira séria, como deve se pautar todo representante do povo.