Os avanços da Prefeitura de Cacoal com relação ao Portal da Transparência levaram a Controladoria-Geral da União a convidar um grupo de servidores para participar de seminário sobre o Observatório da Despesa Pública, e Goiânia (GO). Além de Rondônia e Goiás, estão representados no seminário os estados de Espírito Santo, Pará, Paraíba, Pernambuco, Bahia, Tocantins, Rio Grande do Norte, Maranhão, Piauí, Amapá e Santa Catarina.

Entre os representantes da Prefeitura de Cacoal em Goiás estão a Secretária de Administração, Josiane Aparecida, e o Controlador-Geral do Município, Lindenberg Arcanjo. Para a Secretária, desde o início da atual gestão municipal, a Prefeita Glaucione Rodrigues determinou que a população tivesse acesso a todas as informações da Prefeitura de maneira ampla e facilitada. Não só na questão de compras, mas de todas as despesas que envolvem o serviço público.

Para o Controlador-Geral de Cacoal, não se trata de uma autoavaliação, a questão da progressão da qualidade do Portal da Transparência, mas sim do reconhecimento das principais instituições de controle do Estado e do País, a exemplo do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Ministério Público de Contas e CGU, que fez o convite aos servidores de Cacoal.

Como exemplo das melhorias, Lindenberg Arcanjo cita ainda a adesão ao Programa de Fortalecimento das Ouvidorias (Profort), que melhora o contato com o cidadão, dando mais oportunidades à comunidade para que leve suas reivindicações aos gestores públicos. O fortalecimento do Observatório da Despesa Pública (ODP) é outro ponto citado pelo Controlador, ressaltando que a nota da transparência em Cacoal passou de 3,75, quando a atual administração assumiu o comando do município, para 92,99, no último mês, mas que a meta é uma nota 100. Participaram ainda do seminário em Goiás os servidores Carlos Henrique da Silva Levy e Claudia Borges Rodrigues Lauterte.