Programa inovador de recuperação de nascentes tem aumentado a fonte de água nas propriedades e melhorado as condições do solo  para a produção agrícola  

Hoje se comemora o dia da Conservação do Solo, a base produtiva de toda a agricultura. Com mais de cinco mil propriedades rurais, Cacoal se destaca na produção de alimentos pelos pequenos agricultores que comercializam seus produtos nas feiras livres e no comércio local. O município conta hoje com programas pioneiros de conservação de solo e nascentes. São práticas para conservação e recuperação destes importantes recursos naturais, necessários a produção de alimentos.

Segundo o responsável pelos programas, Jorge Murer, o município realiza práticas conservacionistas de solo por meio de diferentes técnicas, como: Subsolagem, gradeação, curva de nível e tanques secos, para conservação de água no solo. A iniciativa visa manter a fertilidade evitando a erosão, aumentando a fluência de nascentes, tornando os rios perenes, ou seja, as nascentes minam água o ano inteiro.

Por meio do programa ‘Recuperar e Renascer das águas’ foram visitadas 214 propriedades e 150 nascentes da bacia do rio Pirarara foram escolhidas para serem recuperadas. Cerca de 30 nascentes de água foram recuperadas, em propriedades rurais onde o recurso era escasso.

No início do mês Cacoal ganhou o prêmio ‘Prefeito Empreendedor do Sebrae’, na categoria Inovação e Sustentabilidade pelo programa. A prefeita Glaucione Rodrigues recebeu o prêmio na capital, Porto Velho, ao lado dos parceiros do programa. Os trabalhos são executados pela Prefeitura em parceria com o Ministério Público, Sedam, Emater, Conselhos de Agricultura e Meio Ambiente e empresa Castilho, entre outras empresas e entidades.