Lona Cultural caminha e está mais próxima de Cacoal

 

O Projeto Lona Cultural, que já tem recursos garantidos em Cacoal, teve mais um etapa vencida para sua implantação depois de audiência do presidente da Fundação Cultural (Funcal), Emanuel Alves, com a secretária de Cultura da cidade do Rio, Nilcemar Nogueira, neta do sambista símbolo do Rio, Cartola. A viagem ao Rio serve para que os modelos que estão dando certo sejam conhecidos de perto e também para que entraves burocráticos sejam antecipados, garantindo melhor atendimento à comunidade.

Os recursos para que o projeto seja implantado em Cacoal foram garantidos pela deputada federal Marinha Raupp (PMDB-RO), que tem beneficiado a cidade com emendas federais. O objetivo do projeto é formar artistas por meio de oficinas de circo, teatro, artesanato e outros, passando por todos os bairros de Cacoal, indistintamente. Além das oficinas, serão realizados espetáculos nos bairros criando, além da opção de formação, também  de entretenimento à comunidade.

Diferente da cidade do Rio, onde a Lona Cultural é fixa nos bairros, em Cacoal o presidente Emanuel Alves pretende adaptar para que seja itinerante, atendendo o maior número de pessoas possível. Nilcemar Nogueira se prontificou em ajudar na implantação do projeto em Cacoal, o que poderá contribuir com o sucesso da Lona Cultural, como informou  Emanuel, reforçando ainda o apoio recebido da prefeita Glaucione Rodrigues desde que o projeto foi apresentado, no início da administração municipal. “A Prefeita Glaucione tem buscado constantemente recursos para serem investidos na cultura, pois entende que pode trazer mudanças importantes para a comunidade. Conseguimos ampliar o conhecimento, buscamos parcerias e conhecemos projetos culturais que podem ser implantados em Cacoal”, finalizou o presidente da Funcal.

Abertura da 2ª Feira Regional de Artesanato acontece nesta sexta-feira

Aconteceu na manhã de hoje (09) o Lançamento da 2ª Feira Regional de Artesanato, que começa nesta sexta-feira e a vai até domingo, dia 11, em Cacoal. A feira é realizada pela parceria entre a Superintendência Estadual da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel) e a Prefeitura de Cacoal, através da Fundação Cultural (Funccal), e contará com a participação de 70 artesãos, vindos de diversas cidades da região.

Durante a abertura, a prefeita Glaucione Rodrigues deu boas vindas a todos os artesãos que irão participar da feira e desejou um final de semana abençoado e prospero, com boas vendas.

A artesã Glaucia Maria Moura de Oliveira, que veio de Vilhena para expor seus produtos, falou da importância e expectativa para evento, “Nós viemos com a maior esperança, a feira em Vilhena foi boa, mas esperamos que aqui supere todas as nossas expectativas. O artesanato não era lembrado, agora esta no auge então temos que aproveitar”, afirma.

O evento também contou com a participação da Coordenadora do PAB (Programa de Artesanato Brasileiro), Welida Sodré, o presidente da Funccal, Emanuel Alves, e a vereadora Maria Simões.

 

Feira Regional de Artesanato de Cacoal começa nesta sexta-feira

A Feira Regional de Artesanato de Cacoal, que acontece da sexta-feira (9) até o domingo (11) na Praça Municipal, terá a participação de 70 artesãos de todo Estado, 23 só de Cacoal. Os expositores foram escolhidos por meio de edital e somente os portadores da carteira do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB) puderam participar da feira. Artesanato indígena e os mais variados objetos de artesanato serão expostos e comercializados na praça, que terá ainda apresentações musicais, shows com artistas locais e apresentação de quadrilha junina.
A abertura da Feira Regional de Artesanato de Cacoal acontece na sexta-feira, às 19 horas na Praça Municipal. No sábado e domingo a exposição acontece a partir das 14 horas até as 22.
Uma promoção da Prefeitura de Cacoal, por meio da Fundação Cultural (Funcal), a feira tem o objetivo, como informou o presidente Emanuel Alves, de apresentar à população cacoalense a riqueza da arte regional, dando oportunidade de adquirirem itens para coleção ou decoração.
Os artesãos de Cacoal já participaram de outras feiras de artesanato nas cidades de Vilhena e Rolim de Moura, sempre com apoio da Funcal.

Prefeitura de Cacoal inicia Projeto Cultural Sonharte

A Fundação Cultural de Cacoal realizou na noite de ontem, dia 16, no Teatro Municipal, a abertura do Projeto Sonharte. Pais e responsáveis das 350 crianças inscritas estiveram reunidos para discutirem sobre as aulas, que começa na próxima segunda-feira (22). Na oportunidade a prefeita Glaucione Rodrigues, o vice-prefeito Elcirone Deiró e o vereador Pedro Rabelo estiveram cumprimentando e dando boas vindas aos presentes.

O Projeto

O Projeto Cultural Sonharte tem o objetivo de socializar a criança e o jovem através de oficinas de teatro, dança de salão, balé, hip hop, música e canto, introduzindo-a à cultura como método ativo através de participação direta com acesso a informações, linguagens, formas, expressões e dinamismo.

Inscrições para 2ª Feira de Artesanato em Cacoal encerram neste domingo

A Prefeitura de Cacoal através da Fundação Cultural (Funccal) convida a todos os artesãos do município para participarem da 2ª Feira Artesanato em Cacoal, que acontecerá nos dias 9, 10 e 11 de junho.

Quem se interessar, deverá acessar o site da Sejucel pelo link: http://www.rondonia.ro.gov.br/publicacao/segunda-feira-regional-de-artesanato-de-rondonia-em-cacoal/, e fazer a inscrição, seguindo o edital, até o dia 14 de maio (domingo).

São 60 vagas disponíveis para artesãos de todo o estado, que deverão seguir os critérios exigidos, como produzir artes que tenham referência à cultura popular (inspiração nos elementos da cultural local, com utilização de técnicas e materiais daquela região),consciência ambiental (utilização de material reciclado e/ou aproveitamento de resíduos com outras formas de valorização do modo de vida sustentável), entre outros.

Somente artesãos que estejam cadastrados no Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato Brasileiro (SICAB), com Carteira Nacional dentro do prazo de validade, podem participar.

Funccal inicia projeto Escola vai ao teatro

A Prefeitura de Cacoal, através da Fundação Cultural, realiza nesta quinta-feira (27) o Projeto Escola Vai ao Teatro. Alunos de mais de 20 escolas do município irão assistir à peça teatral “Quem descobriu o Brasil?” da Cia. Brasileira de Teatro, Grupo Raízes, de Aracajú/SE e dirigida por Jorge Lins Carvalho.

De acordo com o diretor da Funccal, Emanuel Alves, a finalidade do projeto é incentivar as crianças a frequentarem o teatro e aproximar a cultura da comunidade e que este é um objetivo não só da Fundação como da prefeita.  “A prefeita Glaucione Rodrigues tem nos pedido para que aproximemos a cultura da população, que façamos a diferença à frente da fundação cultural. E é isso que nós estamos fazendo, trazendo a comunidade para dentro do teatro. A idéia é nos fortalecer através dos workshops, que iniciaram ontem, fortalecer grupos teatrais da cidade de Cacoal, para que esses grupos possam posteriormente continuar com o projeto Escola vai ao teatro”, finaliza.

 

 

Workshop para atores é realizado pela Fundação Cultural de Cacoal

A Fundação Cultural de Cacoal iniciou na noite de ontem, dia 26 de abril, o primeiro Workshop para atores de 2017. Ministrado pelo diretor Jorge Lins Carvalho da Cia Brasileira de Teatro e o Grupo Raízes de Aracajú/SE, o curso contou com a presença de mais de 70 participantes, entre atores profissionais e amadores.

Para o diretor da Fundação Cultural, Emanuel Alves, é de grande importância realizar uma oficina como esta no município “Estamos sendo privilegiados, pois estamos tendo a primeira oficina nesta nova gestão. Aproveitamos a oportunidade de trazer esse grande diretor, que é o Jorge Lins, para motivar os atores da nossa cidade, despertar novos talentos. Nosso workshop esta lotado, e isso é um reflexo que as pessoas amam a cultura e estavam esperando ações pela cultura.

O diretor sergipano Jorge Lins explicou sobre como funciona o workshop. “São 3 dias, com 8 horas de duração, onde o que a gente tenta despertar nas pessoas o prazer pelo teatro, descobrir emoções, tenta emprestar um pouco o que tem dentro da alma para o teatro. O workshop pode ser feito por pessoas com experiência, pessoas que nunca viram teatro na vida e até para aquelas que querem usar o teatro como terapia, nós atingimos diversos universos. É uma oficina que não tem idade e não exige nível de experiência do teatro”, completa.

 

Fundação cultural de Cacoal entrega Carteira Nacional do Artesão

A Prefeitura de Cacoal, através da Fundação Cultural de Cacoal (Funccal), entregou na manhã desta quinta-feira (20) a Carteira Nacional do Artesão do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB) para índios da aldeia Suruí do município de Cacoal.

No total serão entregues 280 carteiras, feitas pela Superintendência da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), distribuídas para artesãos de 27 aldeias, que trarão benefícios como participação em feiras de artesanato e descontos na compra de matérias primas.

No ato o secretário da Sejucel, Rudnei Paes agradeceu a prefeita Glaucione e a Prefeitura de Cacoal pela parceria com o estado e por implementar políticas publicas para as comunidades que precisam.

O chefe da aldeia Surui, Almir Surui, também agradeceu a oportunidade e salientou o quão importante é o reconhecimento para o povo indígena e que, além de valorizar o artesanato, também ajudará a fortalecer a economia local.

A prefeita Glaucione Rodrigues finalizou parabenizando a Funccal pela iniciativa, e reiterou a importância da valorização do índio e da casa do artesão no município para a venda dos objetos confeccionados.

Também estiveram presentes a vereadora Maria Simões, representando a Câmara Municipal, Ana Neri, representando a Funai, entre outras autoridades.