FOTO ILUSTRATIVA – ANTES DA COVID -19

A Prefeitura de Cacoal, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), distribuirá kits com alimentos às famílias dos alunos matriculados na rede municipal cadastrados no Programa Social “Bolsa Família”. O objetivo é zelar pela boa alimentação e saúde dos alunos que tiveram suspensas as aulas devido à pandemia do novo Coronavírus (COVID-19).

Com a sanção da Lei Federal Nº 13.987, que autoriza a distribuição de gêneros alimentícios adquiridos pelas escolas com os recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), a  prefeitura iniciou na terça-feira (14), a coleta dos estoques de gêneros alimentícios nas escolas rurais, e nesta quarta-feira (15) concluirá a  coleta dos alimentos nas escolas urbanas e almoxarifado central.

A equipe da Secretaria Municipal de Educação, está se mobilizando para agilizar o levantamento do quantitativo de beneficiados, para iniciar a distribuição dos kits, que está prevista para a próxima terça-feira (21).

Os kits serão compostos por alimentos perecíveis estocados, e não perecíveis que serão adquiridos em sua maioria pela agricultura familiar, o que contribuirá para continuar mantendo o comércio local, visando assim diminuir o impacto da crise na economia.

A distribuição dos kits acontecerá com duas periodicidades:

  • 1 kit básico (da merenda escolar) por mês com alimentos não perecíveis (arroz, feijão, óleo, etc.);
  • 1 kit básico (da merenda escolar) cada 15 dias com alimentos perecíveis (iogurte, verduras, frutas).

A prefeita Glaucione Rodrigues ressalta que cada escola entrará em contato com os responsáveis dos alunos que serão beneficiados, e será feito agendamento de horário para retirada dos kits, evitando aglomerações de pessoas e assim diminuindo o risco de proliferação da COVID-19.

As despesas com a execução dos kits ocorrerão através das verbas previstas como despesas nos orçamentos públicos e com recursos provenientes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar.

Fonte: Assessoria