O prefeito Adailton Furia assinou e tomou efeito na noite desta quarta-feira, uma intervenção da prefeitura de Cacoal através da secretaria municipal de saúde sobre a clínica particular terceirizada para prestar serviço assume a hemodiálise de Cacoal.
Até então a responsabilidade e obrigação sobre o serviço de hemodiálise em Cacoal não era da prefeitura municipal, mas sim de uma clínica particular terceirizada que venceu no passado o certame de licitação e tinha contrato para prestar esse serviço, mas fato é que, diante dos inúmeros capítulos protagonizado, ficou constatado que a clínica recebia regularmente o repasse mas não vinha mantendo uma gestão financeira adequada, de maneira que, o salário dos funcionários da clínica particular ficaram atrasados, não havia mais insumos para os atendimentos, a clínica se tornou inadimplente para receber convênios e não tendo mais condições financeiras em se manter na prestação do serviço.
Diante do exposto, o prefeito Furia decretou que a prefeitura assuma a partir de agora tome a responsabilidade pela hemodiálise em Cacoal.
A ação intervenção ocorreu no início da noite desta quarta-feira(10), e o prefeito anunciou uma ajuda de custo do governo do estado no montante de R$ 60 mil reais mensais e mais o apoio aéreo de arenonaves do Corpo de Bombeiros Militares de Rondônia para buscar o insumo utilizado no atendimento neste momento, em qualquer parte do país onde houver para venda os materiais.
A hemodiálise de Cacoal recebe pacientes de toda a macrorregião II da saúde do estado que engloba vários municípios da região do café.
Adailton Furia finalizou afirmando que Cacoal tem prefeito e gestão, e que não permitirá que o povo de seu município sofra por falta de atendimento na saúde, bandeira que levanta desde a época de vereador, quando dia, noite ou madrugada estava sempre empenhado defender a saúde das pessoas.