Após a Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) emitir informativo a respeito de dois casos suspeitos de Monkeypox, doença conhecida também como varíola o macaco, aqui em Rondônia, as secretarias municipais de saúde de todo o Estado foram informadas da situação para o devido monitoramento em seus respectivos municípios e adoção de medidas a serem tomadas no âmbito de políticas públicas de saúde visando enfrentar essa nova ameaça.

Em relação aos casos divulgados pela Agevisa, o material biológico coletado foi encaminhado para o Laboratório Central de Saúde Pública de Rondônia (Lacen) e também para a Fundação Ezequiel Dias, em Minas Gerais, considerado uma referência no assunto.

Os casos suspeitos, conforme a Gerência Técnica e o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS/Agevisa), estão sendo monitorados e os pacientes estão em tratamento clínico.

A Coordenadoria de Vigilância em Saúde, órgão da Secretaria Municipal de Saúde de Cacoal recebeu o alerta da Secretaria Estadual de Saúde para que eventuais casos que venha a surgir no município sejam relatados às autoridades sanitárias do Estado.