Noticias referente a ações sociais no município

Prefeitura realiza ações no combate ao abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes

A Prefeitura de Cacoal meio da Secretaria Municipal de Ação Social e Trabalho- SEMAST,  realiza atividades de conscientização e prevenção da violência sexual contra as crianças e adolescentes. Com a situação da pandemia, a campanha com o tema “Faça Bonito”, tem realizado palestras pela internet, conscientizando as pessoas sobre a importância de denunciar os abusos e a exploração sexual de crianças e adolescentes no município.

As equipes da SEMAST, CRAS, CREAS  também realizaram pit stop na Avenida Porto Velho e um ato na entrada da cidade, como parte do movimento de conscientização. A prefeita Glaucione Rodrigues que participou do ato destacou a importância das pessoas aderirem a campanha. “As vezes o problema está dentro de casa e não percebemos. Devemos prestar mais atenção nos nossos filhos, pois as mudanças de comportamento pode ser um sinal que ele está em perigo. Vamos cuidar das nossas jóias raras”, disse a Prefeita.

SEMAST SUSPENDE ATIVIDADES DO PROJETO MOVIMENTO, OFICINAS E CURSOS

A prefeitura de Cacoal por meio da Secretaria Municipal de Ação Social e Trabalho – SEMAST, em cumprimento ao Decreto do Governo do Estado de Rondônia, restringindo a aglomeração de pessoas em ambientes fechados, COMUNICA  que estão SUSPENSAS  as atividades do projeto  “Movimento”  que leva aulas de “Zumba” aos bairros, as oficinas e cursos que teriam início no dia 19 de março, as ações do projeto “Brincando de Roda”, o programa “Serviço de Convivência” no Centro de Esportes Unificados dos bairros Parque Fortaleza e Riozinho

O programa Cadastro Único estará disponibilizando apenas serviços  emergenciais,  como bloqueio e desbloqueio de benefícios para que as pessoas atendidas pelo programa não deixem de receber o benefício, já que apenas trabalhos internos estão sendo executados.

A prefeitura informa ainda que a data para reinícios das atividades da SEMAST serão divulgadas  em nossos canais e plataforma digitais, tão logo o Comitê de Enfrentamento ao CORONAVÍRUS, autorize de forma consciente e segura tais atividades.

 

TELEFONE SEMAST: (69)  3907-4279 OU 99227-1590

Semana do bebê: Desenvolvimento infantil é tema de semana sobre cuidados maternos

Entre os dias 18 e 22 de novembro de 2019, a Prefeitura de Cacoal, por meio da Secretaria de Assistência Social (Semast), realiza a Semana do bebê, com o tema o “Desenvolvimento infantil”. As ações tem como objetivo conscientizar a população quanto à importância da primeira infância para o desenvolvimento das crianças e cuidados maternos, e as emoções vivenciadas pela mãe neste processo.

As ações serão as seguintes:

Dia 18/11 – Às 9h – Abertura oficial no Ambulatório Especializado

Dia 19/11 – Às 11h – Cerimonial entrega da faixa bebê prefeito 2019 (Materno infantil)

Às 9h30 – Orientações/Palestra UBS Habitar Brasil

Dia 20/11 : Às 15h – Palestra e Orientações no SCFV, linha 9

Dia 21/11: Às 15h –  Palestra na Escola Maria do Socorro (Nuca- Selo Unicef)

Dia 22/11: Às 9h – Palestra e encerramento da semana do bebê na UBS São Judas Tadeu, no Riozinho.

Projeto Movimento atende a comunidade com atividade física gratuita

Realizado pela Prefeitura de Cacoal, por meio da Semast, com coordenação do Centro de Referência da Assistência Social – CRAS, o projeto Movimento oferece atividades físicas gratuitas à comunidade de Cacoal nos bairros. As aulas de ginástica são realizadas em diversos bairros e também na área rural.

O objetivo das atividades é ampliar, democratizar e universalizar o acesso à prática e ao conhecimento do esporte recreativo e de lazer, integrando suas ações às demais políticas públicas, favorecendo o desenvolvimento humano e a inclusão social, por meio da promoção de ações educativas.

Confira abaixo datas e locais:

Linha 9 – Às segundas e quartas, às 17h30 as aulas de Funcional são ministradas pelo professor Raphael.

Semast – Às segundas e quintas as aulas acontecem às 18h30 (Funcional) e às 20h15 (Zumba) são ministradas pelos professores Luigi e Raphael.

Bairro Liberdade – Às terças e quintas as aulas acontecem às 18h10 (Zumba) e 18h30 (Funcional), com os professores Luigi e Raphael.

Praça Municipal de Cacoal – Às segundas, 18h (Zumba) com o professor Luigi.

Vilage do Sol – Às terças-feiras, 20h15 (Zumba), com o professor Luigi.

Praça do CEU (Vista Alegre) – Às terças e sextas, às 18h (Zumba) e ás 18h30 (Funcional),  com os professores Luigi e Raphael.

Beira Rio – Às quartas-feiras, 18h (Zumba), com o professor Luigi.

Clube da Sucam – Às terças e quintas-feiras, 17h30 (Zumba), com o professor Luigi.

Cernic – Às segundas-feiras, 16h Biohit, com o professor Raphael.

Riozinho – Às quartas-feiras, 14h, professor Raphael.

Praça CEU (Vista Alegre) – Às quartas, 10h e 15h30, com o professor Raphael.

Praça do parque Sabiá – Às quartas-feiras, 18h40 (Funcional) com o professor Raphael.

Clube da Assemuc – Ás quintas-feiras, 18h30, (FitDance) no clube da Assemuc

Projeto Munami: Templo é construído em 12 dias em Cacoal

Cacoal foi escolhida para o 12º templo da missão, o maior já construído em mais de uma década de projeto 

O projeto Munami, Mutirão Nacional Missionário, da União de Homens Batistas do Brasil, existe há 12 anos no Brasil. É uma missão voluntária da igreja Batista, que além de voluntariado para evangelismo, promove a construção de templos em tempo recorde, apenas 12 dias, sempre entre os dias 1º e 12 de outubro. Cacoal foi escolhida para sediar o 12º templo da missão Munami. O local escolhido foi da igreja Batista Memorial, no bairro Vista Alegre, que atualmente funciona numa sede antiga, construída em madeira.

Trabalho intenso e fé

O templo novo está sendo construído por 65 voluntários, e terá 180 m², o maior já construído nas missões, com capacidade para 110 pessoas. Segundo o coordenador dos trabalhos, Jamil Dias Alves, os voluntários vem de vários estados do Brasil e trabalham muitas horas por dia para cumprir a missão. “Os voluntários são das mais diversas áreas, e aprendem na prática, são de 10 a 12 horas de trabalho por dia para concluir a tempo”, explicou.

Ezequias Fernandes da Silva veio de Alto Paraíso para ajudar na obra da igreja, e disse que o resultado só é possível pela fé. “Ninguém entende como conseguimos, mas sempre deu certo, é um trabalho que é inexplicável, como as coisas de Deus, que só entendemos pela fé”, disse.

O templo fica localizado na avenida Primavera, nº 2389, esquina com a Gonçalves Dias, no bairro Vista Alegre, e foi inaugurado em um culto de agradecimento, no sábado, 12 de outubro.

Evangelização e cursos

Além dos 65 voluntários que trabalham na construção, outros 100 voluntários trabalham com evangelização, visitando a comunidade a aldeias indígenas na região. Outro eixo do trabalho é a realização de cursos gratuitos para a comunidade, realizados no Centro de Esportes Unificado do Vista Alegre (CEU). Ali as mulheres fazem cursos de pintura em tecido, oferecidos pelas voluntárias da missão. Este trabalho tem apoio da Prefeitura de Cacoal, por meio da Semast, que dá apoio logístico e lanches para as alunas do curso.

Concurso Miss e Mister Terceira Idade foi realizado na Semast

O objetivo é incentivar os idosos a buscarem autoestima e a beleza que existe em todas as idades

A terceira edição do concurso Miss e Mister Terceira Idade foi realizada nesta sexta-feira, na Semast. Concorreram 12 candidatas e oito candidatos, com idade mínima de 60 anos. Foi uma noite divertida, agradável e com muitas emoções, música, dança e desfiles. Houve apresentações culturais de idosos da AAPC (Associação de Aposentados e Pensionistas de Cacoal) e ABIC (Associação Beneficente dos Idosos de Cacoal) e de uma associação de Vilhena, que lotaram um ônibus para participarem da festa.

Os candidatos e candidatas desfilaram e mostraram desenvoltura na passarela. Foram eleitos a Miss e o Mister, além da Miss e Mister Simpatia e elegância. Confira os eleitos:

Miss Terceira Idade – Teresa Maria
Miss Elegância – Lolita
Miss Simpatia – Clemencia

Mister Terceira Idade – Clarindo
Mister Elegância – Elviro
Mister Simpatia – Antonio

Os eleitos vão concorrer na etapa estadual que será realizada em Vilhena, dia 29 de setembro.

Semast atende centenas de famílias com cursos, programas de convivência e proteção à família

Os programas são desenvolvidos dentro da programação do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS)

Em Cacoal o Centro de Referência de Assistência social – CRAS, atua como a principal porta de entrada do Sistema Único de Assistência Social – SUAS, sendo responsável pela organização e oferta de serviços de Proteção Social Básica nas áreas de vulnerabilidade e risco social.

A organização e implementação é feita pela Assistência Social, por meio da Semast. Essa proteção prevê o desenvolvimento de serviços, programas e projetos locais de acolhimento, convivência e socialização de famílias e de indivíduos, conforme identificação da situação de vulnerabilidade apresentada.

O Principal serviço ofertado pelo CRAS é o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família – PAIF, cuja execução é obrigatória e exclusiva. Este consiste em um trabalho de caráter continuado que visa fortalecer a função protetiva das famílias, prevenindo a ruptura de vínculos, promovendo o acesso e usufruto de direitos e contribuindo para a melhoria da qualidade de vida.

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) é ofertado de forma complementar ao trabalho social com famílias realizado por meio do Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF). Pautado na defesa e afirmação de direitos e no desenvolvimento de capacidades e potencialidades dos usuários, com vistas ao alcance de alternativas emancipatórias para o enfrentamento das vulnerabilidades sociais.

Cursos e atividades desenvolvidas

De janeiro a agosto deste ano já foram atendidas centenas de famílias pelo Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família – PAIF, fornecendo as Famílias a proteção básica integral no âmbito da assistência social a 10.619 pessoas em Cacoal. A meta anual é de atender até 5 mil famílias por ano em situação de vulnerabilidade social Referenciadas ao CRAS, com cursos, oficinas, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) atenderam mulheres e crianças de 6 a 14 anos e idosos. Além disso, foram realizadas campanhas, conferências, projeto Movimento, projeto Embelezamento e autoestima e cadastros para o Residencial Cidade Verde.

Os trabalhos do SCFV foram realizados na AAPC, Abic, no Centro de Esportes Unificado (CEU) do bairro Vista Alegre, com crianças no Riozinho, no bairro São Marcos, no Alpha Park, bairro Paineiras, Morada Digna e linha 9.

Mais de 300 mulheres já foram atendidas com diversos cursos pelo programa Brincando de Roda Bairro a Bairro, são cursos de diversas áreas, para complementação de renda, entre os principais: Panificação, artesanato em Biscuit, pintura em garrafas,  artesanato com garrafas PET, entre outras modalidades em diversos bairros.

Projeto Movimento que oferece hidroginástica, biodança e treinamento funcional em diversos bairros chegou a 2.126 pessoas.

Foi realizado também Curso de Assistente Administrativo com parceria do IFRO e ainda o Projeto social Embelezamento e autoestima (bairro a bairro).

Atendimento com roupas e passagens para pessoas em situação de rua. Várias atividades contam com parceria de estágio com estudantes das Faculdades FAEL e FACIMED.

Mulheres concluem curso de artesanato pelo Brincando de Roda

Nesta semana 17 mulheres que moram no bairro Limoeiro e imediações concluíram o curso de artesanato em Biscuit, onde aprenderam a fazer vasos de argamassa com cactos e suculentas de Biscuit, no Rotary, no bairro Limoeiro. O curso é oferecido pela Secretaria de Assistência Social (Semast), pelo programa Brincando de Roda Bairro a Bairro, que já atendeu mais de 250 mulheres com diversos cursos para geração de renda nos bairros.

Elas receberam o certificado e agora poderão utilizar os conhecimentos para geração de renda e também para decoração de casa e para presentear. Segundo o secretário de Assistência Social, Elias Moisés, além de renda extra as mulheres confraternizam podem se socializar e aprender uma nova atividade. “Este é um compromisso da prefeita Glaucione, por meio de programas que ela sempre desenvolveu para geração de renda para mulheres, e nós estamos levando isso adiante”, concluiu.

Mulheres concluem curso de pintura em quadros pelo programa Brincando de Roda

Nesta semana 20 mulheres que moram no bairro Santo Antonio concluíram o curso de pintura em quadros e receberam certificados, na Comunidade Padre Ezequiel Ramin, pelo programa Brincando de Roda Bairro a Bairro, promovido pela Secretaria de Assistência Social (Semast).

A Prefeita Glaucione Rodrigues e o deputado Cirone Deiró participaram da entrega de certificados. A prefeita lembrou que o investimento em qualificação profissional é fundamental para geração de renda a quem mais precisa. “A Prefeitura tem investido em cursos semiprofissionalizantes, pra atender principalmente às nossas mulheres que podem agregar renda familiar”, observou.

Segundo o secretário de Assistência Social, Elias Moisés, o projeto Brincando de Roda bairro a bairro visa levar qualificação e geração de renda a quem mais precisa, promovendo novas oportunidades às mulheres nas comunidades.  Desde o início do ano foram atendidas mais de 250 mulheres com cursos de geração de renda, entre os quais: Panificação, doces e salgados, Pintura em quadros, pintura em garrafas,  artesanato com garrafas PET, entre outras modalidades em diversos bairros.

A líder da pastoral da criança Rita Santana Costa lembrou que mais de 20 cursos já foram promovidos no local. “A gente está agradecido à Semast, à Prefeitura por ter trazido estes cursos para nós”, disse.

A instrutora do curso Fabia Silveira, que também ministra outras modalidades pelo programa Brincando de Roda, disse que sempre teve o desejo de ensinar artesanato e se sente gratificada pelo trabalho social. “Eu queria ensinar isso para as pessoas e aí surgiu esta oportunidade de passar para as pessoas aquele dom em que tenho uma facilidade, que era um desejo meu ensinar isso, dividir o meu conhecimento com as pessoas”, concluiu.

1 2 3 26