CORONAVÍRUS: Casos suspeitos chegam a 11,  neste sábado (21) em Cacoal

BOLETIM INFORMATIVO V – 

 

Menos de 24 horas depois de confirmar 10 casos suspeitos de pessoas contaminadas pelo COVID-19, a prefeitura de Cacoal informa na noite deste sábado (21), que acompanha agora 11 casos.

Um caso a mais, do que os anunciados anteriormente na sexta-feira (20),  e já registrado na plataforma do Ministério da Saúde, e que será atualizada até segunda-feira (23), já que o registro aconteceu em menos de 24 horas.

A prefeitura informa que 7 dos casos suspeitos são de mulheres com idade de 24 à 48 anos, e homens de 27 à 55 anos, desses total, 6 casos foram de pessoas que estiveram em cidades e países infectados, como São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Londres, e o restante dos casos tiveram contato direto com os que chegaram de viagem do dia 12 à 20 de março de 2020.

A prefeitura de Cacoal reitera as recomendações e cuidados especiais com as pessoas do GRUPO DE RISCO, que são as mais vulneráveis:

  • Idosos;
  • Diabéticos;
  • Hipertensos;
  • Quem tem insuficiência renal crônica;
  • doença respiratória crônica;
  • doença cardiovascular;

O comitê de Enfrentamento ao CORONAVÍRUS de Cacoal, explica que uma vez infectadas, essas pessoas têm mais chances de desenvolverem complicações decorrentes do Covid-19, já que as taxas de letalidade entre esse grupo são mais altas do que a média.

 

Prefeitura de Cacoal,  manter-se em casa ainda é a melhor prevenção.

DECRETO DETERMINA FECHAMENTO DO COMÉRCIO EM CACOAL

Na noite desta sexta-feira (20), a Prefeita  Glaucione  Rodrigues, fez uma  Live na sua rede social para informar sobre o novo Decreto Municipal seguindo o Decreto Estadual que começou a ter validade na data de hoje (21), no município de Cacoal, onde parte do comércio permanecerá fechado por precaução e prevenção de uma possível proliferação do COVID-19.

Ela iniciou a Live falando:

— É um momento que  junto com a equipe técnica de enfrentamento ao CORONAVÍRUS,  nós finalizamos o decreto, vou assinar ele agora e já vai ser publicado, onde decidimos seguir o decreto do Estado e fechar parte do comércio.

— Há muitas pessoas que acham que não é o momento, mas podemos pecar e decidir na hora errada. Ficará aberto, hospitais, laboratórios, farmácias, fornecedora de bens e insumos à saúde, pet shop, as clínicas médicas de fisioterapia, de vacinação, veterinária, funerárias, distribuidora e revendedora de água e gás, postos de combustíveis, supermercados, padarias, mini mercados, mercearias, restaurantes à beira da BR, açougues, peixarias, e operações de entrega à domicilio. Lembrando que quem estiver fazendo entregas, precisam tomar todos seus cuidados.

— Tudo isso é para que nós possamos enfrentar esse pico alto que é previsto pelo Ministério da Saúde do vírus, nesse momento nós não estamos pensando na economia, nós estamos pensando em salvar vidas.

—Eu peço desculpa para aqueles que pensam de forma diferente, mas a nossa decisão nesse momento é exclusiva com intuito de salvar vidas.

—Estamos tomando todos os cuidados, e vamos fechar por 10 dias para sentirmos como vai ficar a situação, não só no nosso município, mas no nosso Estado e no Brasil de modo geral.

—Pedimos a compreensão da população, não é um toque de recolhimento, mas pedimos que todos fiquem em suas casas, e vamos mantendo a população informada.

—O momento não é confortável, acreditamos que o vírus já deve circular no nosso município, nós recebemos pessoas que vieram de países infectados, chegaram de outros Estados,  mesmo que a saúde tenha tomado todos os cuidados, a quarentena, isolamento, mas essas pessoas passaram pelo aeroporto, usaram carros e tiveram contatos com outras pessoas, e nossa preocupação é manter nossa população saudável.

—Colaborem, não é para sempre, é um momento, é uma necessidade e eu peço compreensão de toda população, nós precisamos  entender que não é um momento fácil e é melhor pecar pelo excesso, que pela omissão.

Fonte: Assessoria

NOVO DECRETO: Medidas de prevenção ao Coronavírus são anunciadas

A Prefeita de Glaucione Rodrigues anunciou na noite desta sexta-feira, o novo Decreto  DECRETO Nº 7.589/PMC/2020, que  dispõe sobre novas medidas de prevenção ao contágio e enfrentamento da propagação decorrente do novo Coronavírus – covid-19 no município de Cacoal, em complemento ao decreto n. 7583/20. O novo Decreto suspende pelo prazo inicial de 10 (dez) dias, todas as atividades com atendimento ao publico, festas e eventos de qualquer natureza, culto e missa de qualquer religião ou credo,  salões de beleza e centros estéticos; estabelecimentos comerciais, de qualquer natureza, inclusive bares, restaurantes, shopping center e lojas de conveniências, vendedores ambulantes e afins. Confira na íntegra o Decreto!

Download (PDF, 85KB)

BOLETIM INFORMATIVO IV

SOBRE O CORONAVÍRUS EM CACOAL

20 DE MARÇO DE 2020

 

Com o objetivo de informar a população, combater publicações não oficiais (fake news) e tranquilizar os moradores acerca das ações realizadas pelo Grupo de Enfrentamento ao Coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Cacoal, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) e o Grupo Técnico de Enfrentamento ao Coronavírus divulga os casos suspeitos notificados em Cacoal, até o dia 20 de março ás 18h00min.

Na tarde desta sexta-feira, a Secretaria de Saúde do município Célia Calado, em entrevista coletiva a imprensa, anunciou que mais três casos suspeitos foram notificados  no município. Os novos casos de Cacoal deverão estar atualizados no próximo Boletim Oficial do Governo do Estado.

A Secretária também explicou que os resultados divulgados pelo Boletim oficial da Prefeitura de Cacoal são em tempo real e notificados pelo Grupo de Enfrentamento ao Coronavírus no Município e que o sistema do Estado leva certo tempo para processar todas as informações, por isso acontece à divergência entre o resultado do Boletim da Prefeitura e o Boletim do Estado.

 A Prefeita Glaucione Rodrigues em transmissão ao vivo em sua página oficial, falou das decisões que estão sendo tomadas, inclusive sobre os cancelamentos dos vôos para Cacoal, a partir de segunda-feira dia 23. A Prefeita conclamou a população para estar juntos nesta luta e que o melhor neste momento é ficar em casa, para o bem de todos.

SUSPEITOS: 10 (dez) casos de Coronavírus em Cacoal.

 CONFIRMADOS: 00 (ZERO)

 Prefeitura de Cacoal – O Trabalho é Diário!

 

Coronavírus: Com sete casos suspeitos Prefeitura de Cacoal orienta população

Na tarde desta quinta-feira (19/03), a Coordenadora de Vigilância em Saúde, do Grupo de Enfrentamento do CORONAVÍRUS  da Prefeitura de Cacoal,  Ivani  Gromann concedeu entrevista  coletiva a imprensa, para atualizar os números de casos suspeitos, no município.

Foram NOTIFICADOS, mais quatro casos suspeitos, totalizando sete esta semana, esses pacientes estão em ISOLAMENTO domiciliar.  Na manhã desta sexta-feira (20/03) foram colhidas amostras e encaminhadas para o LACEN para que seja feita a contraprova, e é previsto que os resultados sejam disponibilizados dentro de até  três dias.

Dentre os quatro casos suspeitos, estão  homens e mulheres adultos  que se enquadram no grupo de risco da OMS e do Ministério da Saúde, sendo um  caso oriundo do Rio de Janeiro,  um caso vindo de São Paulo, e dois casos do exterior,  casos esses que apresentam sintomas leves, mas que por precaução estão em quarentena (14 dias).

A coordenadora informou que estudos comprovam  que 80% dos casos registrados e confirmados são assintomáticos, ou seja, são de pessoas que não apresentam nenhum sintoma, e que apesar dos pacientes que desenvolvem a doença serem duas vezes mais contagiosos, os assintomáticos chegam a ser seis vezes mais numerosos mesmo com capacidade menor  de infectar outros, tornando-se o motor da pandemia.

Por isso é preciso que haja consciência da população em ficar em casa, pois o vírus pode está circulando despercebido, as recomendações precisam ser seguidas para que não haja surto no município.

Fonte: Assessoria

 

CORONAVÍRUS: BOLETIM INFORMATIVO III

SOBRE O CORONAVÍRUS EM CACOAL

19 DE MARÇO DE 2020

Com o objetivo de informar a população, combater publicações não oficiais (fake news) e tranquilizar os moradores acerca das ações realizadas pelo Grupo de Enfrentamento ao Coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Cacoal, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) e o Grupo Técnico de Enfrentamento ao Coronavírus divulga os casos suspeitos notificados em Cacoal, até o dia 19 de março ás 18h00min.

Na tarde desta quinta-feira, 19, quatro novos casos suspeitos foram notificados pelo Grupo de Controle e Enfrentamento ao Coronavírus do Município. Os novos casos de Cacoal deverão estar atualizados no próximo Boletim Oficial do Governo do Estado.

A Prefeita Glaucione Rodrigues reforça o pedido a toda população, para que estejam vigilantes e permaneçam em casa, quando assim for determinado e necessário, tomando todos os cuidados que diariamente estão sendo replicados pelas redes oficiais do município.

SUSPEITOS: 07 (sete) casos de coronavírus em Cacoal.

CONFIRMADOS: 00 (ZERO)

Prefeitura de Cacoal – O Trabalho é Diário!

Procon de Cacoal orienta farmácias e drogarias do município sobre os reajustes abusivos

O Procon Municipal de Cacoal notificou de forma recomendatória as farmácias e drogarias do município pedindo que as empresas apresentem ao órgão notas de compras dos últimos 02 meses dos produtos dos de álcool em gel e máscaras, afim de inibir a pratica abusiva que elevem o preço do produto, sem justa causa.
A medida tem como objetivo verificar se os produtos estão sofrendo aumento de preços, prática considerada abusiva segundo o Código de Defesa do Consumidor (CDC).
O artigo 39 da Lei Federal nº 8.078/90 (CDC) veda ao fornecedor elevar o preço de produtos e serviços sem que haja um justo motivo – o aumento dos custos – que seja capaz de refletir no preço final. Esses custos devem ser comprovados por meio de documentos. A elevação de preço sem justa causa pode configurar, ainda, abuso de direito e ato ilícito, conforme previsto no artigo 187 do Código Civil.
Segundo a coordenadora do Procon Taizy Santos, o aumento dos preços cobrados dos consumidores deve ser proporcional ao aumento dos custos. “Aproveitar-se da situação pela qual a população está passando para aumentar os preços dos produtos é prática abusiva, de acordo com o Código de Defesa do Consumidor. Recomendamos que os comerciantes hajam dentro da legalidade”, finalizou.
DENÚNCIA
“Importante frisar que o Procon não pode intervir nos preços praticados pelos estabelecimentos. Entretanto, práticas abusivas são ilegais. Se os consumidores constatarem aumentos repentinos e elevados, sem causa aparente, poderão registrar a reclamação no Procon-CACOAL para que possamos apurar”, disse Taizy.
O consumidor deve denunciar caso identifique alguma prática abusiva por parte dos estabelecimentos. O registro pode ser feito por meio do telefônico 3907-4132/ 3443-6311e através do email: proconmunicipaldecacoal@hotmail.com.

CORONAVÍRUS: BOLETIM INFORMATIVO II

SOBRE O CORONAVÍRUS EM CACOAL – 18 DE MARÇO DE 2020

Com o objetivo de informar a população, combater publicações não oficiais (fake news) e tranquilizar os moradores acerca das ações realizadas pelo Grupo de Enfrentamento ao Coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Cacoal, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), divulga os casos suspeitos notificados em Cacoal até o dia 18 de março ás 18hmin horas.

SUSPEITOS: 03 (três) casos em Cacoal.
CONFIRMADOS: 00 (ZERO)

Prefeitura de Cacoal – O Trabalho é Diário!

BOLETIM INFORMATIVO CORONAVÍRUS – Cacoal notifica três casos suspeitos do Coronavírus

Prefeitura de Cacoal

O Grupo Técnico de Enfrentamento ao Coronavírus da Prefeitura de Cacoal informa que foram notificados três casos suspeitos do Coronavírus em Cacoal. Os dados dos três pacientes foram notificados e coletadas as amostras e, tão logo tenhamos novas informações estaremos repassando à imprensa e a toda a população.

A prefeita Glaucione Rodrigues pede tranqüilidade à população, esclarecendo que todo trabalho está sendo acompanhado pela equipe de vigilância em saúde e, conclama a todos para que possam estar engajados nesta luta, de prevenir a doença tomando os cuidados necessários.

Acompanhe os canais da Prefeitura de Cacoal onde serão divulgadas diariamente informações sobre a situação do município. Duvidas: 3907 4092 – 99904 2201 – 99209 9473

Assessoria Imprensa – Prefeitura de Cacoal -3907-4972  992099473

NOTA OFICIAL

A Prefeitura de Cacoal comunica que seguindo Decreto Estadual e recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde), o Comitê Gestor de Enfrentamento ao Coronavírus,  decidiu suspender as aulas de escolas públicas e particulares da rede municipal, por 15 (quinze) dias, a partir de hoje (18/03), podendo ser prorrogado.

Até o momento o município de Cacoal, não tem nenhum caso suspeito do Coronavírus, mas como medida de prevenção aos avanços da Pandemia do COVID-19 no Brasil, e a fim de evitar proliferação na cidade, devem ser redobrados os cuidados básicos de higiene ( lavar as mãos com água e sabão e usar álcool 70º).

Ficam suspensos os treinamentos, cursos, reuniões, eventos coletivos, culturais, esportivos, e ainda aglomerações em  shopping,  cinemas,  praças,  festas, bares, e afins, devendo os órgãos não elencados no Decreto agir de forma preventiva.

O Comitê Gestor, estará em postos de entradas como Aeroporto e Rodoviária, a fim de monitorar as pessoas que chegam de viagem e trabalhar na prevenção, sendo necessário que pessoas que cheguem de viagem internacionais e de cidades com casos confirmados, mesmo sem sintomas, fiquem em isolamento por até 7 dias, período que o Coronavírus fica encubado no organismo.

Para quem tiver sintomas respiratórios leves, a orientação é comunicar à Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica pelos telefones: 3907-4092 / 9 9904- 2201, para buscar orientação.  Em caso de apresentar sintomas graves como tosse seca, dor de garganta, febre alta (incessante), falta de ar, diarreia, dor muscular de cinco à  sete dias seguidos, devem ser informadas, e assim será  deslocada uma equipe de profissionais até a residência para fazer o monitoramento clínico do paciente.

COMITÊ DE CONTINGÊNCIA DO CORONAVÍRUS -COVID-19  – 

PREFEITURA DE CACOAL, O TRABALHO É DIÁRIO

1 2 3 4 40