Desfile de 7 de setembro será alusivo à história do Brasil

Este ano o desfile será realizado no distrito do Riozinho

O desfile de 7 de setembro este ano será realizado no distrito do Riozinho, a partir das 8h30, na rua Capitão Rui Luiz Teixeira, em frente à praça. Serão 29 escolas participantes, entre municipais e estaduais.

A Prefeitura de Cacoal, por meio da Semed organizou o desfile de forma que os alunos apresentem a evolução histórica do Brasil, percorrendo vários contextos, entre os quais: Condições naturais, sociais, econômica e política; desde sua descoberta, passando por colônia portuguesa, culminando em sua independência da submissão à coroa portuguesa, alcançando sua hegemonia na data áurea de 7 de setembro de 1822. Será uma aula VIVA de história.

Na oportunidade serão apresentadas ações do programa Escola Viva, que está transformando a educação de Cacoal, com formação continuada, valorização profissional, melhoria do transporte escolar, bem como reforma e revitalização das 24 escolas urbanas e rurais, entre outras melhorias.

Festa do café se consolida maior evento de fomento à cafeicultura em Rondônia

Pelo menos 15 mil pessoas acompanharam a feira, no espaço Beira Rio em Cacoal

“Comparada ao ano anterior a festa teve um crescimento e um alcance extraordinário”. A fala é do representante da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Antonio Tafuri, que ficou impressionado com a repercussão, atrações e movimentação do setor cafeeiro durante a II Festa do Café, realizada neste dias 30 e 31 de agosto, no Beira Rio, em Cacoal.

Foi durante a festa do ano passado que a Agência se interessou pelo café de Rondônia e começou a desenvolver parceria para a criação da Indicação Geográfica do Café e a criação da Caferon (Cafeicultores Associação da região das Matas de Rondônia), que hoje fomenta o setor. “A Caferon está aí pra isso, trabalhar as políticas públicas e promover a adesão dos produtores, estamos trabalhando com as políticas públicas para fazer este elo com o governo e as indústrias e empresas produtoras, mostrar pra eles que temos um produto diferente com o valor de forma diferente, que merece ser valorizado no mercado, este é o nosso trabalho”, explicou o presidente Juan Travain.

A impressão dos visitantes foi a mesma dos prefeitos, deputados, lideranças ligadas ao setor cafeeiro, e da população de Cacoal, que lotou o Beira Rio durante a festa. Foram dias de muitas palestras, exposição de produtos de empresas locais, faculdades, lançamento de livro indígena, feira de artesanato apresentações culturais, concurso de beleza para eleição da rainha do café e gastronomia com mais de 30 produtos à base de café.

Empresas parceiras e artesãos apresentaram e comercializaram produtos, com destaque para a feira regional de artesanato, que reuniu 80 artesãos de 12 municípios da região. Foi apresentado um stand com peças de museu, alusivos à cultura do café, produzido pela Fundação Cultural, Apresentações culturais com os povos indígenas, Pomeranos e lançamento de cartilha indígena sobre meio ambiente, para ser utilizada nas escolas indígenas.

Entre as atrações musicais destaque para a dupla Wesley e Maurício, de São Paulo, que se apresentou na sexta-feira.Muitas apresentações culturais e visitação aos stands no sábado durante todo o dia, além de Encontro de prefeitos da Indicação Geográfica Matas de Rondônia, palestras temáticas, degustação de café, trilha de motos e passeio ciclístico.

Fomento à cafeicultura

A prefeita Glaucione Rodrigues falou sobre o sentimento de compartilhar tantas conquistas do setor, e a festa do café é uma forma de marcar culturalmente e economicamente o crescimento da produção, qualidade e valorização do produto rondoniense. “Pra mim é um orgulho receber tantas pessoas que trabalham para o crescimento da cafeicultura. Rondônia na época de baixa chegou a produzir cerca de 3 milhões de sacas de café, no auge da produção, depois caiu para apenas 600 mil sacas, na época de baixa da produção, em que as famílias arrancarem os pés de café para fazer pasto. Hoje vemos a retomada da cafeicultura, e este ano a estimativa é de se chegar até a 2,5 milhões de sacas este ano. Cacoal retoma o título de capital do café, mas é o eixo central de toda uma região de 15 municípios que compõem a Indicação Geográfica do Café”, concluiu.

Concurso da rainha do café

A candidata do município de Castanheiras, Ana Carolina foi eleita rainha do café 2019. Após uma disputa acirrada entre 10 lindas jovens que representam os municípios que compõem a Indicação Geográfica do Café. Em segundo lugar ficou a candidata de Cacoal, Ana Beatriz e em terceiro a jovem Bianca Klause, de Alta Floresta.

O concurso da rainha do café foi um dos momentos mais esperados da II Festa do Café. Candidatas de 10, dos 15 municípios que compõem a Região da Indicação Geográfica do Café (IG) participaram da disputa acirrada pelo título, representando Cacoal, Ministro Andreazza, Castanheiras, Santa Luzia, São Felipe, Novo Horizonte, São Miguel do Guaporé, Alto Alegre dos Parecis, Alta Floresta e Nova Brasilândia.

Filhas de agricultores, estudantes de áreas técnicas ligadas à atividade agrícola e outros cursos elas mostraram, além de beleza, conhecimento sobre a cafeicultura nos seus municípios. Na passarela elas deram um show de beleza, desenvoltura e fizeram bonito com coreografias e roupas alusivas ao café. O público lotou o Beira Rio para o desfile, na noite de sábado.

Premiação

A premiação é um incentivo para que as jovens invistam em educação por meio da parceria de faculdades locais.

A 1ª Colocada ganhou uma Bolsa de 100% em qualquer curso da UNESC no Campus de Cacoal); R$ 1 mil em Tratamentos Estéticos na Clínica Magras; e 1 noite com acompanhante no Cacoal Selva Park.

A 2ª Colocada ganhou Bolsa de 50% em qualquer curso da UNESC, no Campus de Cacoal; R$ 1 mil em Tratamentos Estéticos na Clínica Magras; e 1 Celular Samsung J2 Core oferecido pela NOVALAR.

A 3ª Colocada ganhou R$ 500 em compras no Mundial Shop e R$ 1 mil em Tratamentos Estéticos na Clínica Magras.

As outras 7 candidatas que disputaram o título também ganharão desconto de 50% para fazerem qualquer curso na faculdade Fanorte.

CACOAL/RO É O MILÉSIMO MUNICÍPIO A ADERIR AO SISTEMA DE OUVIDORIA DA CGU

A Controladoria Geral da União – CGU, por meio da Ouvidora-Geral da União, comemora a Milésima inclusão municipal ao Sistema e-Ouv. O marco foi alcançado com a adesão da Prefeitura Municipal de Cacoal – RO.

O sistema e-Ouv é completamente gratuito, e está à disposição das ouvidorias de todos os Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Para utilizar o sistema e- Ouv os órgãos e entidades dos Estados, Distrito Federal e Municípios devem manifestar sua adesão à Rede Nacional de Ouvidorias por meio do http://ouvidorias.gov.br/ouvidorias/rede-de-ouvidorias.

Desde de 2015, o sistema já recebeu inúmeras manifestações. As estatísticas das ouvidorias podem ser consultadas no Painel “Resolveu?” http://paineis.cgu.gov.br/resolveu/index.htm por qualquer cidadão.

Por fim, destaca-se que Cacoal – RO é a milésima adesão de prefeituras, porém já existem mais de 1900 adesões ao Sistema e-Ouv considerando todas as esferas: Federal, Estaduais e Municipais.

Cacoal e Vilhena aparecem em destaque no novo mapa do Turismo de Rondônia

Em Rondônia são 25 municípios no Mapa do Turismo, Cacoal e Vilhena são as mais bem posicionadas no interior 

O Ministério do Turismo divulgou, nesta segunda-feira, 26, no Diário Oficial da União, o novo Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021. Ao todo, 2.694 cidades de 333 regiões turísticas do país foram incluídas na atualização da plataforma.

O Estado conta com 07 regiões turísticas: Polo Turístico Madeira Mamoré; Polo turístico Vale do Jamari, Polo turístico Caminho das Águas, Polo Turístico Rios de Rondon (Polo Cacoal); Polo Turístico Vale do Guaporé, Polo Turístico dos Fortes e Polo Turístico Zona da Mata. (Veja mapa).

Este ano, infelizmente tivemos a saída de alguns municípios de grande relevância e importância e adesão de outros, o motivo pelos os quais alguns municípios não fazem parte do Mapa são não cumpriram os critérios exigidos pelo governo federal.

Além da necessidade de o município ter um órgão de turismo em atividade e conselho municipal de turismo funcionando, o novo mapa adotou outros critérios obrigatórios para a participação na plataforma: orçamento próprio destinado ao turismo, possuir prestadores de serviços turísticos de cadastro obrigatório registrados no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), do Ministério do Turismo, e apresentar Termo de Compromisso assinado pelo prefeito.

A Coordenadora de Turismo do Estado de Rondônia e interlocutora do Programa de Regionalização do Mtur, Camila Canova, lembra que o prazo para o envio da documentação iniciou em março deste ano, com ampla divulgação aos municípios.

Os documentos foram analisados pela autarquia, que é responsável por inserir as informações no sistema do Mtur. Só depois disso, o ministério avaliza e divulga as cidades que preencheram os requisitos.

Segundo Camila, integrar o Mapa do Turismo Brasileiro é fundamental para o município que pretende desenvolver seu potencial turístico. “O Mapa é uma ferramenta importante de recorte territorial que visa canalizar o uso de recursos públicos por parte do governo federal, além de ser uma grande vitrine.

Infelizmente, quem saiu do Mapa deixou de considerar o Turismo como atividade prioritária”, afirmou.

O Superintendente Estadual de Turismo – SETUR, Gilvan José Pereira Júnior, destaca que todos os projetos desenvolvidos pela autarquia priorizam os municípios que fazem parte do Mapa do Turismo. “Todos os projetos têm o olhar regional. O objetivo é fazer com que cada região, com suas características próprias, se desperte para a atividade turística”, informou.

O Ministério do Turismo também divulgou a nova categorização dos municípios turísticos. Dois municípios na posição E, Dezesseis municípios estão na posição D, 4 municípios na posição C, subiu para 02 na posição B (Cacoal e Vilhena) e 1 na posição A, sendo a capital Porto Velho. As notas, que vão de A até E, levam em conta a quantidade de estabelecimentos de hospedagem formais, de empregos formais nesses estabelecimentos e número de visitantes nacionais e internacionais. Este ano, o Mtur adotou um novo critério, a arrecadação de impostos federais.

Investimentos em saúde: Inauguração da UCS e reformas de unidades vão proporcionar melhor atendimento aos pacientes

Foi firmado um acordo entre município e Facimed, com parceria do Estado para a inauguração de uma Unidade Central de Saúde (UCS). A Unidade foi inaugurada nesta segunda-feira pela manhã, com a presença de vereadores, servidores da saúde, do deputado Cirone Deiró e muitos parceiros da saúde entre os quais a Facimed,  representada pela diretora geral Sandra Marques.

A UCS será administrada pela Prefeitura, com parceria da faculdade e vai contar com dois médicos, além de professores e acadêmicos dos cursos de Medicina, Enfermagem e técnicos de Enfermagem do município. Os atendimentos à comunidade serão de consultas médicas de baixa complexidade como: Aferição de Pressão, troca de receitas, cortes, suturas, consultas médicas e outros atendimentos simples, no sistema de acolhimento por classificação de risco. Os atendimentos serão das 7h da manhã às 19h, de segunda a sexta-feira.

A prefeita Glaucione Rodrigues disse que este é um novo modelo de gestão em saúde, com parcerias: “Nós criamos um modelo novo para que pudéssemos abrir as portas, no Brasil foram construídas muitas UPAs, mas sem condições de funcionamento. E hoje esta unidade, mediante parceria vai atender à comunidade. Não será uma Unidade Básica de Saúde, nem um hospital para internação, mas vai preencher uma lacuna existente entre as UBS e o Heuro, para um primeiro atendimento”, explicou.

Outros investimentos em saúde

A saúde municipal tem melhorado muito na atual gestão com diversas medidas. Em 2018 cinco novas Unidades básicas de Saúde foram inauguradas nos bairros São Marcos, Habitar Brasil, Morada do Bosque, Village do Sol e no distrito de Divinópolis, aumentando a cobertura de atendimento à comunidade nos bairros.

A Unidade de Saúde Nova Esperança está em reforma e será reinaugurada em breve. A Unidade de Saúde do bairro Alpha Park também está sendo estruturada para entrar em funcionamento em breve.

O hospital Materno Infantil também está sendo reformado, por meio de recurso federal da rede Cegonha. A unidade hospitalar, construída há 45 anos, possui atendimentos de Pediatria, Obstetrícia e Maternidade. A reforma será na estrutura interna das alas pediátrica, obstétrica, maternidade, berçário, centro cirúrgico e outros espaços.

Um novo hospital está em construção no bairro Greenville. A obra é proveniente de convênio federal do ex-senador Valdir Raupp, e contempla ampla estrutura para atendimentos em saúde, tanto para Cacoal quanto para outros municípios. No entanto, o hospital ainda levará dois anos para ficar pronto, devido ao tamanho da obra.

Aumento nos atendimentos

Em um comparativo de 2016 a 2018 é possível observar o aumento no número de atendimentos em saúde, num quadro geral. Segundo dados da Secretaria de Saúde, em 2016, 703 pessoas foram atendidas com aplicação de medicamentos, o número subiu para 2.064 em 2017 e disparou para 26.702 atendimentos no ano seguinte.

No Ambulatório Especializado o aumento foi no número de exames.  Em 2016 foram realizados 4.782 exames de Ultrassom, em 2017 foram 7.161 e em 2018 foram 8.185. Atualmente são realizados cerca de 500 ultrassons por mês no Ambulatório Especializado. Os procedimentos são diversos, desde os mais simples até os mais complexos, como: Dopler e Morfológico, Abdômen total, Obstétrico, Ultrassonografia transvaginal, Exame de Próstata, Cervical, exame das vias urinárias, entre outros.

O número total de atendimentos no Ambulatório subiu quase 80% em dois anos. Em 2016 foram atendidas 27.078 pessoas, em 2018 o número subiu para 42.073 atendimentos. O maior número de atendimentos foi de consultas médicas, exames de ultrassonografia, testes rápidos, atenção básica à comunidade e aferição de pressão.

II Festa do café terá programação variada e muitas atrações

Apresentações culturais, palestras, stands temáticos, pratos à base de café e outras atrações vão marcar a festa, que acontece na próxima semana

Muita expectativa para a II Festa do Café, promovida pela Prefeitura de Cacoal e parceiros. Este ano a grande festa será realizada no espaço Beira Rio, com diversas atrações. O incentivo à cafeicultura, com a demonstração dos produtos regionais, bem como a degustação do café produzido na região são alguns dos atrativos da feira. Os visitantes poderão degustar produtos deliciosos à base de café na praça de alimentação, com mais de 35 pratos, doces e salgados.

A festa inicia na sexta-feira com Palestras sobre agricultura, cafeicultura e negócios. Empresas, parceiros e artesãos vão montar espaços para apresentação de produtos aos visitantes, com destaque para a feira regional de artesanato, com a participação de artesãos de diversos municípios do estado. Apresentações culturais com os povos indígenas, Pomeranos e lançamento de livros.

Entre as atrações musicais destaque para a dupla Wesley e Maurício, de São Paulo, que vai se apresentar na sexta-feira à noite. Ainda na primeira noite de evento serão apresentadas as 10 concorrentes ao título de Rainha do Café, representando 10 municípios que compõem a região da Indicação Geográfica do Café.

No sábado, além de visitação aos stands temáticos haverá um encontro de prefeitos da Indicação Geográfica Matas de Rondônia, palestras temáticas, degustação de café, trilha de motos e passeio ciclístico. A grande atração da noite será a final do concurso que vai escolher a rainha e as princesas do café. Vale ressaltar que a entrada é gratuita e aberta à comunidade.

Confira a programação completa da festa:

SEXTA FEIRA, 30/08/2019
14h
Dr. Aldemar Polonini Moreti – IFES Venda Nova do Imigrante – ES
Fermentação de café: Uma expressão de sabores
Duração 45min. Debates 10min. Encerramento 5 min.
Local : AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
14h – 18h
CLASSIFICAÇÃO E DEGUSTAÇÃO DE CAFÉ
Eng. Agr. Janderson Dalazen  – R-Grader CQI – SEAGRI
Instrutor de Fiscalização Vegetal- Alcides Flores – MAPA
Local : Auditório Central
15h Abertura dos Stands para visitação do público
Feira Regional de Artesanato
15h10
Manejo e adubação do cafeeiro
Eng. Agrônomo Glauco Brito Lessa
Duração 45min. Debates 10min. Encerramento 5min.
Local : AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
16:20h
Linhas de Financiamento Agro para Desenvolvimento Regional
Eng. Agrônomo Izidoro Theisen – Santander
Duração 45min. Debates 10min. Encerramento 5min.
Local : AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
18h
EVENTO MEDIADORES CULTURAIS INDIGENAS
Lançamento de livros indígenas
Duração 60min.
Local : AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
19h – Abertura
Apresentação Cultural
Pomeranos de Espigão do Oeste – POMERDAZ
19h30
Apresentação Cultural
Boi Brasileirinho
Grupo IFRO
20h
ANÚNCIO DE PARCEIROS DO EVENTO
20h30
ABERTURA OFICIAL COM AUTORIDADES
21h
Apresentação Cultural
Escola de Dança Beatriz Alves
21h15
Apresentação das candidatas a  Rainhas do Café 2019 no Palco
Com entrevista  ao vivo do Animador de Palco
22h
Show com a dupla WESLEY E MAURICIO (São Paulo)
 
SÁBADO, 31/08/2019
8h
Visitação aos Stands
Feira Regional de Artesanato
Mini Curso
Chef  Marco Antônio Nascimento Tozi – SENAC
Workshop – Confeitaria de café
Local : Central Capital do Café
9h
WorkShop ABDI – Encontro de Prefeitos IG Matas de Rondônia– Prefeita Glaucione Rodrigues , Antônio Tafuri e Juan Travain.
Local : AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
14h
Cafeicultura de Precisão
Marcos Domingos – Alleanza
Duração 45min. Debates 10min. Encerramento 5min.
Local: AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
14h – 18h
CLASSIFICAÇÃO E DEGUSTAÇÃO DE CAFÉ
Eng. Agr. Janderson Dalazen  – R-Grader CQI – SEAGRI
Instrutor de Fiscalização Vegetal- Alcides Flores – MAPA
Local : Auditório Central
15h
Saída da Trilha de Motos
Local: Beira Rio
15h10
Fermentação de café: Uma expressão de sabores
Dr. Aldemar Polonini Moreti – IFES Venda Nova do Imigrante – ES
Duração 45min. Debates 10min. Encerramento 5min.
Local: AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
15h30
Saída Passeio Ciclístico
Local : Beira Rio
16h20
Gestão e Custos da Produção Cafeeira.
Sebastião Oliveira – SEBRAE-RO
Duração 45min. Debates 10min. Encerramento 5min.
Local: AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
17h30
Palestra Manejo e adubação do cafeeiro
Eng. Agrônomo Glauco Brito Lessa
Duração 45min. Debates 10min. Encerramento 5min.
Local: AUDITÓRIO CAPITAL DO CAFÉ – BEIRA RIO
18h
Chegada do Passeio Ciclístico
Local : Beira Rio
18h30
Lançamento do Livro
Povos e Comunidades Tradicionais
Grupo de Pesquisa Ifro
Local : Stand da Prefeitura de Cacoal – Beira Rio
19h
Boas vindas da Prefeita Glaucione Rodrigues
19h30
Escolha da Rainha do Café
21h30
CHEGADA TRILHA DO CAFÉ (MOTOS)
22h
Som Mecânico

Parceria entre Prefeitura e UNESC para o concurso da rainha do café

A vencedora do concurso será premiada com uma bolsa de estudos oferecida pela faculdade

A UNESC irá oferecer uma bolsa de estudos para a candidata que vencer o concurso da Rainha do Café, a ser realizado durante a II Festa do Café, que acontece nos dias 30 e 31 de agosto, no Beira Rio, em Cacoal.

Incentivo à educação

Segundo o Diretor Institucional da Unesc, Antonio Carlos Nascimento o objetivo é fomentar a agricultura familiar e a cafeicultura, potenciais importantes de Cacoal e de Rondônia, que também serão foco dos trabalhos da faculdade com novos cursos, a partir do próximo ano. “A Unesc nesses mais de 30 anos em Cacoal sempre acreditou na agricultura familiar, sempre acreditou na produção de café no município e no estado, e esta produção tem se elevado nos últimos anos. Queremos que as pessoas envolvidas nas lavouras sejam muito bem instruídas e treinadas para uma melhor produção, cuidado com o meio ambiente e economia sustentável. A Unesc vai implantar em 2020 o curso de Engenharia Agrícola e com outros cursos que já estão funcionando atenderemos a população envolvida. Oferecemos estas bolsas com o intuito de que as pessoas que vivem das plantações, da economia agrícola, possam se instruir, para produzir melhor, cuidar melhor da área administrativa, e usar a tecnologia a favor da melhoria das áreas de plantação”, explicou Nascimento.

O concurso

Participam do concurso 10 candidatas, que já foram pré-selecionadas e agora concorrem aos títulos de Rainha, primeira princesa e segunda princesa do café, dos municípios que compõem a região da Indicação Geográfica do Café (IG), são eles: Cacoal, São Felipe, Santa Luzia, Castanheiras, São Miguel do Guaporé, Novo Horizonte, Ministro Andreazza , Nova Brasilândia, Alto Alegre dos Parecis e Alta Floresta.

A prefeita Glaucione Rodrigues agradeceu o prêmio, que com certeza vai fazer diferença no futuro da jovem que ganhar a bolsa. “A educação é a base do futuro, acreditamos que será importante para a vencedora e um incentivo para que os jovens invistam em educação”, disse.

Glaucione Rodrigues assina junto à Caixa contrato para liberação de R$ 5 milhões para recuperação de ruas em Cacoal

Em Porto Velho, ao lado de técnicos da Caixa Econômica Federal, e da superintendente do banco Marina Aguilera, do procurador geral do Município, Caio Veche e do vereador Wilson Tim, a prefeita Glaucione Rodrigues assinou nesta sexta-feira contrato com o banco para o empréstimo no valor de R$ 5 milhões para a compra de insumos para recuperação de ruas em Cacoal. O projeto foi proposto em abril junto à Câmara e após diversas idas e voltas, período em que houve impasses com alguns vereadores, que votaram contra a proposta e a Prefeitura recorrer no caso.

Histórico

De acordo com a prefeita, o município conseguiu no ano passado R$ 2,7 milhões de recursos do Governo do Estado, com R$ 300 mil de contrapartida da Prefeitura para a compra de insumos usados na usina, e boa parte destes recursos já foram utilizados para a compra de materiais.  A compra de insumos é fundamental, já que o produto abasteça a usina de asfalto, com capacidade de produção de 80 toneladas de massa asfáltica por hora.

Recuperação de ruas

Diversas frentes de obras da Prefeitura, por meio da Secretaria de Obras, trabalham na recuperação de ruas, com execução direta do município. Nos últimos meses muitos bairros foram recuperados com obras de restauração de asfalto e capa asfáltica, entre os quais: Bairro Saúde, Bairro Liberdade, Bairro Industrial, avenida das Comunicações no bairro Teixeirão, BNH e diversas ruas do Bairro Vista Alegre e do bairro Riozinho e os trabalhos continuam.

 

Prefeita assina projeto para regularização dos motoaplicativos em Cacoal

Agora a proposta será enviada à Câmara de Vereadores para apreciação e votação

A Prefeita Glaucione Rodrigues assinou nesta quarta-feira à noite, o projeto de Lei, que dispõe sobre a regulamentação da prestação do serviço de transporte por Motoaplicativos em Cacoal. O ato foi realizado no Teatro Municipal e contou com a presença do presidente da Câmara Valdomiro Corá e dos vereadores Rogerinho e Maria Simões. A medida também conta com apoio dos vereadores Wilson Tim, Euzébio Brizzon e Valdeci Goleiro.

O projeto, que será protocolado na Câmara, deverá ser lido na próxima segunda-feira e posteriormente analisado pelas comissões. A expectativa dos trabalhadores em Motoaplicativos é que o projeto seja votado nas próximas semanas. “Eu acredito que no prazo de 15 dias no máximo, este projeto já estará em apreciação do plenário e com certeza nós teremos a maioria dos votos, para que seja aprovada a regulamentação do motoaplicativo”, disse a vereadora Maria Simões.

Benefícios da regulamentação

Segundo a prefeita a regulamentação vai atender uma reivindicação não só da categoria, mas a própria comunidade aprova a medida. “O aplicativo no país já é uma realidade, em Cacoal não é diferente, só que não está regulamentado ainda. A população aprova o aplicativo, tanto de carro quanto de moto. Nós fizemos uma enquete e 88% da população votou favorável aos aplicativos. Portanto é melhor a prefeitura regulamentar , pra que nós possamos ter conhecimento e controle de quem está trabalhando”, reforçou Glaucione.

Motoristas agradecem

Atualmente 90 motoristas de motoaplicativos, entre homens e mulheres, atuam em Cacoal. Samuel Ramos é um dos motoristas que, caso o projeto seja aprovado, será beneficiado com a medida, e agradeceu o benefício. “A gente agradece a prefeita e também à população que nos apoiou. Chegou o dia da gente concluir, passar os documentos lá na Câmara, e se Deus quiser vai dar tudo certo. Estamos aí para atender a população de um modo especial”, concluiu.

Prefeita dá ordem de serviço para reforma do hospital Materno Infantil em Cacoal

O hospital, que atende pacientes com Pediatria, Maternidade, urgência e emergência pediátrica e berçário foi construído há mais de quatro décadas e precisa de reparos

Ao lado de vereadores, servidores da saúde e da imprensa local, a prefeita Glaucione Rodrigues deu Ordem de Serviço para a reforma do hospital Materno Infantil nesta terça-feira. Os serviços serão executados pela empresa Edificare e incluem reparos na estrutura interna das alas pediátrica, obstétrica, maternidade, berçário, centro cirúrgico e outros espaços.

A reforma será possível por meio de investimentos na ordem de R$ 340.286, proveniente da Rede Cegonha do governo Federal, por meio de Repasse Fundo a Fundo. O hospital foi construído há 45 anos e a estrutura precisa de melhorias para adequação às normas preconizadas pelo Ministério de Saúde, conforme lembrou a conselheira de saúde do município, Edna Mota. “É uma necessidade, tanto para a parte funcionar quando estrutural. Nós temos uma unidade que é muito antiga e que atende gestantes, e as mulheres que precisam de um atendimento humanizado e também para as crianças que são atendidas na unidade hospitalar”, disse.

Apoio dos servidores

A prefeita agradeceu aos servidores de saúde, que segundo ela tem se desdobrado para atender da melhor forma possível aos pacientes no hospital e nas unidades de saúde. Além de Cacoal o Materno Infantil atende a demanda dos municípios do polo de saúde regional. “Acredito que realmente é uma conquista importante para a saúde, todos que estão aqui anseiam por esta obra, não só os pacientes, mas também os servidores da saúde que atendem ali, com uma estrutura mais organizada e estruturada todos tem a ganhar em qualidade e bem estar para trabalhar”, disse.

Outros investimentos

A prefeita anunciou também outros investimentos importante em saúde. A Unidade Básica do Alpha Park será inaugurada em breve, além disso a UBS Nova Esperança, que atende pacientes do bairro Novo Cacoal e outros bairros próximos, que está sendo reformada será reinaugurada. No ano passado outras unidades foram inauguradas em diversos bairros: a Unidade do Habitar Brasil, Morada do Bosque, Vilage do Sol e Unidade do bairro São Marcos e também a Unidade do distrito de Divinópolis,  ampliando o atendimento aos pacientes na rede básica em Cacoal.

1 2 3 4 5 34